quarta-feira, 12 de abril de 2017

Tiroteio na comunidade do Mandela assusta moradores e motoristas

Rua Leopoldo Bulhões chegou a ser fechada e os ônibus optaram
 por caminhos alternativos para não passar pelo confronto.


Pessoas ateiam fogo em coletivo na Rua Leopoldo Bulhões.
O DIA

Rio - Um tiroteio na comunidade do Mandela, que faz parte do Complexo de Manguinhos, no início da tarde da terça-feira, deixou motoristas e moradores assustados. A Rua Leopoldo Bulhões chegou a ser fechada e um grupo de pessoas atearam fogo em um coletivo. Os ônibus optaram por caminhos alternativos para não passar pelo confronto. Segundo moradores, um helicóptero sobrevoou a área e havia sinais de fogo na comunidade.

Na semana passada, o idoso Evangelista Cordeiro da Silva, de 71 anos, foi baleado enquanto lia jornal na porta de casa. Por causa da morte, moradores da comunidade atearam fogo em objetos na Leopoldo Bulhões e o clima ficou tenso na comunidade. Evangelista foi enterrado no Cemitério de São Francisco Xavier, no Caju.

http://odia.ig.com.br