quinta-feira, 23 de março de 2017

Escândalo! Técnicos de futebol exigiam sexo em troca de uma vaga no time titular.

Eles também colecionavam material pornográfico infantil.


Pelo menos 15 jogadores italianos foram vítimas desses criminosos.
O DIA

Itália - Uma operação instaurada pela polícia de Turim, na Itália, predeu na última segunda-feira, dois técnicos que são acusados de oferecerem relações sexuais em troca de uma vaga no time titular em um clube de futebol e um árbitro que praticava abusos, ao oferecer massagens revigorantes. O time e a identidade dos suspeitos foram mantidos sob sigilo. Além de abusar sexualmente dos jogadores, um dos técnicos teria encorajado outro treinador, de apenas 20 anos, a juntar material pornográfico infantil. Já o árbitro está sob investigação por oferecer massagens revigorantes como 'desculpa' para praticar o abuso. A investigação começou há pelo menos um ano quando os pais de um rapaz de 16 anos que sofreu a agressão sexual denunciou o treinador de 20 anos, que convidou o adolescente para visitar sua casa após o treinamento, quando tentou abusá-lo.

Segundo a polícia encarregada do caso, todos os envolvidos no escândalo foram indiciados por pedofilia, abuso sexual e vários outros crimes. Ao todo, 15 vítimas já foram confirmadas. No momento, eles apenas cumprem prisão domiciliar e estão proibidos de usar qualquer meio de comunicação.

http://odia.ig.com.br