segunda-feira, 13 de junho de 2016

Cunha teria feito ameaças a Temer. 'Se cair, cairei atirando', diz jornal

Presidente da Câmara dos Deputado afastado, teria dito 
que não cairia sozinho e que levaria outros colegas com ele.


“Não mandei avisar ninguém de nada”, diz Cunha.
O DIA

Rio - O presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), estaria irritado e teria mandado emissários avisar ao presidente em exercício, Michel Temer, que, se não for salvo, levará com ele para "o fundo do poço" 150 deputados federais, um senador e um ministro próximo ao interino, informou nesse domingo, a Coluna do Estadão, do site do jornal 'O Estado de S. Paulo'.

De acordo com a publicação, quem recomenda a Eduardo Cunha que renuncie à presidência da Câmara ouve um palavrão e a explicação de que, se o fizer, será preso. Mais tarde, o mesmo Eduardo Cunha reagiu à nota publicada no domingo, e declarou: “Não mandei avisar ninguém de nada”, escreveu em sua conta no Twitter.


http://odia.ig.com.br/