segunda-feira, 5 de junho de 2017

Tiroteio no Morro da Providência interdita novo trecho do VLT.

Disparos interromperam funcionamento de novas estações por 
cinco horas. Bope realizou uma operação policial na comunidade.


O DIA

Rio - Um tiroteio no Morro da Providência interrompeu o primeiro dia útil de funcionamento das novas estações do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) - Providência e Praça da Harmonia - por cinco horas, na manhã desta segunda-feira. A circulação no novo trajeto do transporte precisou ser interrompido por voltas 06:20hs., após o início dos disparos, na região do Centro da cidade. Segundo informações da Polícia Militar, o Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizou uma operação no local. De acordo com a corporação, a ação terminou sem presos, feridos ou apreensões. O VLT operou momentaneamente apenas entre as estações Parada dos Navios e Santos Dumont até às 11:15. As novas estações foram inauguradas neste domingo. Moradores relataram que muitas crianças não conseguiram sair para as aulas devido aos disparos. Segundo informações da Secretaria Municipal de Educação, as unidades escolares no Morro da Providência estão funcionando com baixa frequência.

Procurada, a PM não deu informações detalhadas sobre a ação do Bope. A corporação disse que logo no início da ação foi recebida a tiros pelos criminosos, iniciando um confronto. "Os policiais não registraram feridos nem foram acionados para prestar socorro a ninguém", disse em nota. Pelas redes sociais, moradores relataram o intenso tiroteio ocorrido nesta manhã. "Me pergunto se um dia essa situação vai se acalmar", disse um internauta.

Na última quinta-feira, um policial militar foi baleado após um ataque de traficantes do Morro da Providência, Região Central do Rio. De acordo com a PM, ele, que é lotado no Batalhão de Grandes Eventos (BPGE), fazia patrulhamento com outros militares na Rua Barão de São Félix quando bandidos atiraram.

http://odia.ig.com.br