quinta-feira, 8 de junho de 2017

MIT é eleita melhor universidade do mundo em pesquisa; USP fica no 121º lugar.


O Massachusetts Institute of Technology (MIT) segue na liderança do ranking de melhores universidades do mundo no ranking Quacquarelli Symonds, divulgado na quarta-feira nos Estados Unidos, enquanto a Universidade de São Paulo (USP), melhor brasileira, ocupa o 121º lugar. O MIT, com sede em Cambridge, nos arredores de Boston, está há seis anos na liderança da classificação, que se baseia em seis métricas de avaliação que incluem reputação acadêmica, prestígio entre os empregadores e referências em artigos acadêmicos. A Universidade de Stanford, em Palo Alto, no Vale do Silício, roubou a segunda colocação de Harvard, agora terceira colocada, que também fica nos arredores de Boston. A primeira instituição fora dos EUA na lista é a Universidade de Cambridge, no Reino Unido, no quinto lugar.


A USP é a melhor brasileira na lista, na 121ª colocação, caindo uma posição em relação à avaliação feita no ano passado. A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) vem na sequência e subiu para o 182º lugar após ter ficado na 191ª posição em 2017. A terceira melhor instituição brasileira no ranking é a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que subiu dez posições e agora ocupa o 311º posto na classificação. O ranking da Quacquarelli Symonds analisa 959 universidades de todo o mundo e é divulgado anualmente.

EFE