quinta-feira, 23 de março de 2017

Moradores relatam intenso tiroteio no Complexo do Alemão

UPP informou que houve troca de tiros na localidade conhecida 
como Largo do Samba. Não há registros de feridos e presos.


O DIA

Rio - Um intenso tiroteio assustou os moradores do Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio, na manhã de quarta-feira. Por meio das redes sociais, eles relataram momentos de tensão na comunidade desde às 09:00hs. "Que ninguém seja atingido por uma bala perdida. Precisamos de paz", pediu um deles. "Todo dia é a mesma coisa, sempre tem um confronto", lamentou outro internauta. Segundo informações do comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Nova Brasília, policiais foram atacados enquanto faziam um patrulhamento na localidade conhecida como Largo do Samba. A UPP destacou que houve mais de um confronto nessa região. Até o momento, nenhum suspeito foi preso e não há registros de feridos.

Moradores também relataram intensos tiroteio no Morro da Mangueira na noite de terça-feira. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) informou que o confronto ocorreu durante uma operação na comunidade. Na ação, os PMs apreenderam um fuzil AR-15 com carregador e munições intactas. A ocorrência foi registrada na 17ª DP (São Cristóvão).

PMs são baleados no Complexo do Alemão
Eles foram levados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas nesta manhã. Até o momento, nenhum suspeito foi preso. Dois policiais militares foram baleados na comunidade Nova Brasília, no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio, nesta quinta-feira. De acordo com moradores, houve um intenso confronto na favela nesta manhã. A Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) informou que os PMs foram atacados por homens armados na localidade conhecida como Beco da Igreja.

Um deles foi atingido na perna e o outro, na axila. Os PMs foram socorridos e levados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas. Segundo a UPP, os policiais passam bem e nenhum suspeito foi preso até o momento. A ocorrência ainda está em andamento. Por meio das redes sociais, os moradores relataram momentos de tensão na comunidade. "Muitos tiros logo cedo", disse um deles. "Evitem toda a região do Complexo do Alemão, há um intenso tiroteio", afirmou outro.

http://odia.ig.com.br