terça-feira, 7 de março de 2017

Assembleia decide manter estado de greve na Uerj

Universidade não tem previsão de retorno às aulas.


O DIA

Rio - Docentes da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) decidiram, na noite desta segunda-feira, manter o estado de greve no Campus Maracanã. A data da próxima assembleia, que terá decisão do Fórum de Diretores, será na quarta. Se o corpo decidir pelo retorno às aulas, a reunião será na sexta-feira. Caso contrário, a assembleia será na terça-feira da próxima semana. Durante a plenária, os docentes da Uerj divulgaram agenda de mobilizações:

No dia 8 de março, Dia da Mulher, haverá paralisação de 24 horas por conta do 'Dia da Greve Internacional das Mulheres'. Às 12:00hs., haverá um ato na entrada principal do Campus Maracanã e participação em protesto às 16:00hs. 

No dia 13, os docentes vão participar na 'Plenária dos atingidos pela crise no Rio de Janeiro', às 17:00hs., na Candelária.

No dia 15, outra paralisação de 24:00hs., contra as reformas Previdenciária e Trabalhista está marcada. Há ainda, em data a ser confirmada, uma proposta de um ato específico na Uerj.

http://odia.ig.com.br