segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Homem perde dentes e sofre queimadura de 2º grau em explosão de cigarro eletrônico.


Andrew Hall foi levado às pressas a uma 
UTI local, onde ainda permanece internado.
Extra

O ano mudou e parece que não são apenas celulares que andam explodindo por aí e trazendo risco à vida das pessoas. Um morador da cidade de Pocatello, no estado de Idaho (EUA), postou imagens fortes das queimaduras de 2º grau sofridas por ele enquanto fumava seu cigarro eletrônico. O psicólogo Andrew Hall foi levado às pressas para a UTI de um hospital local após o apetrecho explodir próximo a seu rosto enquanto estava no banheiro de casa. Após ser atendido e hospitalizado, ele decidiu publicar imagens do estrago em seu Facebook como forma de alertar outras pessoas. As imagens já contam com quase 200 mil compartilhamentos. "Estava me ajeitando pra ir trabalhar quando aconteceu comigo algo que eu não esperava. Estou na UTI, mas passo bem. Estava fumando um cigarro eletrônico (eu sei, terrível), mas não fumarei mais e espero que possa influenciar outras pessoas a reavaliarem ou encontrarem outros métodos para fumar", escreveu Andrew em sua postagem.


Andrew registrou algumas imagens que 
mostram seus ferimentos após a explosão.

O rapaz afirma ainda que fazia uso do cigarro eletrônico há sete anos e nunca havia tido problemas. Além das queimaduras de 2º grau, Andrew perdeu sete dentes e teve cortes na língua e nos lábios. Entrevistado pelo jornal britânico "Mirror", Peter Weissberg, professor e diretor médico da Fundação Britânica do Coração, declarou: "Resultados mostram que os cigarros eletrônicos têm efeito semelhante aos regulares, atuando da mesma forma nos vasos sanguíneos do organismo". Nesta segunda-feira, Andrew, ainda internado, postou mais algumas imagens que exibem como ficou seu banheiro após a explosão.

http://extra.globo.com/