segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Moradores reclamam de nova etapa da obra da TransOceânica

Está perigoso atravessar a Avenida Sete, principal via do Cafubá.


Moradores têm dificuldade de atravessar a Avenida 7.
MARINA ROCHA

Niterói - A obra da TransOceânica está causando novos transtornos para os moradores de Piratininga. Há pouco mais de uma semana, todo o trânsito de carros que chega à Região Oceânica foi desviado da Estrada Francisco da Cruz Nunes para a Avenida Raul de Oliveira Rodrigues (Avenida 7), que vai do Cafubá ao Trevo de Piratininga. Agora ficou difícil para os pedestres transitarem pela via que antes era pouco movimentada. O problema é que a ação não parece ter sido muito bem planejada. A avenida que tem cerca de 2 km de extensão só tem dois semáforos, o que deixa espaços muito longos sem a sinalização. O caminho ficou perigoso para quem precisa atravessar. "Inclusive muitas crianças passam por ali para ir à escola. Mas agora, com tanto movimento, tá muito difícil ir de um lado a outro. Me disseram até que uma mulher já foi atropelada. Eu mesma tive que desviar totalmente do meu trajeto para atravessar na faixa. A prefeitura tinha que ter instalado novos sinais antes de trazer o trânsito pra cá", desabafou a aposentada Maria Das Dôres do Nascimento.

E se de um lado o problema é o movimento intenso, de outro o comércio chora com a queda nas vendas que chega até 50%. Dono da loja Via Animal, localizada na Estrada Francisco da Cruz Nunes, Regis de Paula diz que a falta de programação da obra é o que mais incomoda. "A prefeitura até promove algumas reuniões com a gente, mas não passa um cronograma certo. Essa obra não foi bem elaborada. A impressão que temos é que quem planejou essa obra não conheço as características da nossa região", destacou ele, prevendo ainda o fechamento de algumas lojas.

A prefeitura informou que toda a mudança de trânsito foi discutida com a comunidade e com os comerciantes. "Foram feitas reuniões e o fechamento da Francisco da Cruz Nunes foi aprovado. Foi implantada sinalização avisando sobre a interdição da via", respondeu em nota. O poder executivo disse que deve reabrir o trecho no dia 15 deste mês.


Falta de sinalização bagunçou o trânsito da região.
Ônibus vão testar o túnel
Até o dia 7 de setembro, estará concluída a pavimentação da Avenida Raul de Oliveira Rodrigues (antiga Avenida 7), que funcionará como uma espécie de binário da Estrada Francisco da Cruz Nunes, dividindo o fluxo de veículos que virá do túnel. Também em setembro, está prevista para ocorrer uma experimentação importante com vista ao futuro: ônibus de diversas linhas, entre eles os da Viação 1001, atravessarão o túnel no sentido Charitas-Cafubá para realizar alguns testes.

http://odia.ig.com.br/