sábado, 23 de julho de 2016

Rodrigo Maia oficializa apoio à candidatura de Pedro Paulo no Rio

Presidente da Câmara dos Deputados 
participou de evento na cidade na sexta-feira.


Rodrigo Maia (DEM-RJ) oficializou, na sexta-feira, 
apoio a Pedro Paulo (PMDB) nas eleições municipais.
Foto: Agência Câmara
AGÊNCIA BRASIL

Brasília - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), oficializou nesta sexta-feira, em evento no Rio de Janeiro, apoio do seu partido ao candidato a prefeito do Rio e deputado federal, Pedro Paulo Carvalho (PMDB). Rodrigo Maia também é presidente do diretório fluminense do DEM e filho do ex-prefeito do Rio, Cesar Maia, adversário político do atual prefeito Eduardo Paes (PMDB). Nesta quarta-feira, o PMDB confirmou Pedro Paulo como candidato do partido para disputa à prefeitura do Rio na eleição de outubro. Com 44 anos e no segundo mandato como deputado federal, o carioca Pedro Paulo já foi deputado estadual, subprefeito da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, e ocupou as secretarias de Meio Ambiente e da Casa Civil na gestão de Eduardo Paes. Deixou a coordenação de governo da prefeitura em junho, como determina a lei, para se candidatar a prefeito.


Foto: epoca.globo.com

Pedro Paulo é acusado de agredir a ex-mulher, Alexandra Marcondes, em 2010. O inquérito que apura o caso está no Supremo Tribunal Federal (STF), por ele ser deputado federal. 

A jornalistas, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, declarou que as pautas que ele priorizará na sua gestão são as relacionadas à superação da crise econômica, como projeto que altera as regras de exploração do Pré-sal, a renegociação da dívida dos estados, a boa regulação da boa gestão dos fundos de pensão e a a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita o aumento do gasto público à variação da inflação. “Esses são os projetos que me dão motivação, pois sei que vão colaborar com todo o Brasil. Os outros temas colocaremos em pauta no momento adequado depois que a equipe técnica do governo dê todos os esclarecimentos técnicos necessários”, disse.

http://odia.ig.com.br/