terça-feira, 19 de julho de 2016

Mulher é baleada em tentativa de assalto na Avenida Brasil

Ela pediu socorro aos policiais que ficam no Parque União 
depois de ser atingida por ladrões quando passava de carro.


Mulher é baleada em tentativa de assalto na Avenida Brasil.
O DIA

Rio - Uma mulher foi baleada na manhã de segunda-feira, durante tentativa de assalto na Avenida Brasil, na altura da Favela Parque União, em Bonsucesso, na Zona Norte. A promotora de vendas Débora Muniz Monteiro de Pinho, de 38 anos, dirigia um Gol, por volta das 07:00hs., quando encontrou o trânsito lento, na pista sentido Centro. Um homem se aproximou do carro, ela se recusou a abrir o vidro e o bandido atirou quatro vezes. Três tiros atingiram o carro e um atravessou o vidro, ferindo o braço direito de Débora. Ela dirigiu por alguns metros até ser socorrida por policiais militares e levada para o Hospital Geral de Bonsucesso. O delegado Wellington Vieira, da 21ª DP (Bonsucesso) investiga se o autor do tiro seria morador de rua do viaduto na Ilha do Governador. “Tem 99% de chance de ter sido uma tentativa de assalto. O criminoso teria usado um revólver calibre 38. Ele bateu no vidro do carona, mas a vítima não abriu. Atirou para matar”, garantiu Vieira. Débora ficou em observação e passou por exames, mas foi transferida para um hospital particular, a pedido da família. “A bala está alojada. Na hora que foi ferida, me ligou para contar o que aconteceu. O criminoso tentou assaltá-la. Há três buracos de tiro no carro: dois no vidro frontal e um no vidro traseiro. Atirou por maldade”, contou a amiga de Débora, Cláudia Faria, 42.

De acordo com a assessoria da Polícia Militar, o policiamento na via é feito como motos e viaturas. A Avenida Brasil ganhará reforço das Forças Armadas. Treze dias atrás, homens da Força Nacional que chegavam ao Rio para reforçar a segurança durante os Jogos Olímpicos foram “recepcionados” com um tiro no retrovisor do carro. Os casos de vítimas baleadas na Avenida Brasil são constantes. No último dia 9, um policial da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Jacarezinho foi baleado no tórax, na altura da Fiocruz. No dia 23 de maio, em Parada de Lucas, um PM foi baleado em troca de tiros com bandidos.

http://odia.ig.com.br/