segunda-feira, 9 de maio de 2016

'Se há governo, estou a favor', diz Eduardo Paes

Prefeito decide apoiar gestão de Temer.


Eduardo Paes afirmou que não é papel do prefeito fazer oposição.
O DIA

Rio - Aliado político da presidente Dilma Rousseff até pouco tempo atrás, o prefeito Eduardo Paes afirmou ontem que a prefeitura do Rio fará parceria com um eventual governo do vice Michel Temer. “O prefeito não faz oposição a governo nenhum. Não é papel de prefeito fazer oposição, só de deputado. Existe aquela famosa frase: ‘Se há governo, sou contra’. Na minha frase é: ‘Se há governo, estou a favor’”, disse Paes, que visitou ontem pela manhã hospital da Zona Oeste do Rio. “Se acontecer um impeachment, vamos ter parceira com o governo Michel Temer. Eu acho que o nosso papel é esse, dialogar. A população não merece sofrer pelas brigas políticas. Isso é jogo do Congresso, é briga do Congresso. Eu fico distante desses conflitos e busco lidar bem com todos aqueles que estão governando”, observou Paes.

Temer passou o Dia da Mães em São Paulo e retornou ontem à tarde para Brasília. No final do dia, ele se reuniu com seus principais aliados, todos ministeriáveis de um eventual governo do peemedebista. Participam da reunião Eliseu Padilha (Casa Civil), Henrique Meirelles (Fazenda), Romero Jucá (Planejamento), Moreira Franco (secretaria especial para cuidar de privatizações) e Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo).

http://odia.ig.com.br/