quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Ministro da Saúde pede exoneração para votar na eleição do novo líder do PMDB


Marcelo Castro, ministro da Saúde

Decreto foi publicado no Diário Oficial da União desta quarta. Castro retoma o cargo nesta quinta-feira.

AGÊNCIA BRASIL

Brasília - No dia em que o PMDB escolhe o novo líder na Câmara, o ministro da Saúde, Marcelo Castro, que é peemedebista, pediu exoneração do cargo e deverá retomar o mandato de deputado federal para participar da eleição. O decreto está publicado na edição desta quarta-feira do Diário Oficial da União. Marcelo Castro deverá retornar ao cargo amanhã, mas, ainda hoje, tem reunião com a presidenta Dilma Rousseff às 18:00hs. Enquanto isso, assume interinamente o secretário executivo José Agenor Álvares da Silva.

A eleição do PMDB está marcada para as 15:00hs. O atual líder Leonardo Picciani (RJ) e Hugo Motta (PB) disputam a vaga. A reunião vai ocorrer a portas fechadas.

http://odia.ig.com.br/